Advogado do Facebook se reúne com juiz que deseja WhatsApp fora do ar no Brasil

O WhatsApp é um dos apps mais utilizados no mundo, mas nem todo mundo utiliza e aprecia os recursos da ferramenta. No último mês um juiz do Piauí abriu uma ação para tentar tirar o aplicativo de mensagens do ar em todo o Brasil; apesar não parecer, isso é algo que afetaria a vida de milhares de brasileiros.
id118497
O advogado do Facebook se encontrou com o juiz Luiz Moura Correia, da Central de Inquéritos da Comarca de Teresina (PI), além do representante da empresa a Polícia Civil do Piauí também estava presente na reunião. Obviamente o encontro foi realizado para tratar da suspensão do WhatsApp, requisitada por Correia no último mês.

De acordo com informações do Tribunal de Justiça do Piauí, o juiz serviu como interlocutor na reunião entre as partes, que será a primeira de muitas. O advogado do Facebook, João Azeredo, e o delegado Daniel Pires, do Departamento de Inteligência da Polícia Civil, discutiram a possibilidade de um acerto entre as partes.

Ao fim da história pode ser que o WhatsApp não seja proíbido, e o próprio juiz gostou que a primeira conversa já mostrou boa vontade de ambas as partes, assim, possivelmente elas chegarão rapidamente a um consenso.

Tanto o governo do Piauí, quanto os representantes do WhatsApp concordaram que é necessário fazer uma adequação às leis brasileiras. Dessa forma os brasileiros poderiam ficar mais tranquilos com o aplicativo de mensagens, e até pode ser criado um canal de comunicação permanente.

FONTE