Taxista é indiciado por sequestro de motorista do Uber

O 15º Distrito Policial, no Itaim-Bibi, zona sul de São Paulo, indiciou ontem sob as acusações de ameaça, injúria, sequestro e lesão corporal um dos taxistas suspeitos de ter participado do sequestro de um motorista de 22 anos que trabalha para a Uber, empresa que controla um aplicativo de carona pagas.

O crime ocorreu no sábado (08). O taxista acusado disse ao ser interrogado que só tentou ajudar o motorista, que era perseguido pelos seus colegas. Segundo a vítima, quando foi atender a uma chamada, um grupo de taxistas o surpreendeu. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Avalie:
1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (No Ratings Yet)
Loading...