Um parasita comeu o olho de uma garota e quase a deixou cega

A jovem Jessica Greaney, moradora do Reino Unido de 19 anos, achou que seus olhos estavam com uma infecção comum. Mas depois de uma consulta médica, ela descobriu que na realidade tinha um pequeno parasita comendo seu globo ocular.

A rara doença era a Acanthamoeba keratitis. Ela é causada depois que uma ameba invade a córnea ocular. O modo de contaminação mais comum é por falta de higiene em lentes de contato.

Greaney contou a experiência em um texto publicado no site da BBC. Ela afirmou que inicialmente acreditou que estava com alguma infecção corriqueira no olho. Ela começou a se preocupar depois que o olho passou a fechar sozinho. “Eu sentia como se tivesse algo dentro do meu olho”, conta ela no texto.

Depois que os médicos descobriram que a infecção era a Acanthamoeba keratitis, Greaney foi internada. O procedimento médico era de pingar um remédio a cada meia hora nos olhos da jovem. Por conta disso, ela não pode dormir por mais de 30 minutos ao longo de quatro dias. “Isso significa que eu não tinha energia ao longo do dia. Era difícil comer e meu sistema imunológico começou a desligar”, conta ela.

A garota ainda conta que os médicos não conseguiam afirmar com certeza se ela ficaria curada ou não. Durante o processo, ela não era capaz de enxergar com clareza, via apenas borrões coloridos.

A infecção Acanthamoeba keratitis pode, de fato, levar à cegueira. A doença é causada por um parasita formado por uma única célula. Humanos entram em contato com ele diariamente pela água – seja em um banho ou mesmo tomando a água. Ele não é nocivo, a não ser no momento que ultrapassa a córnea.

O caso mais comum para que isso aconteça é ao se usar lentes de contato. Práticas incorretas de higienização das lentes são o principal problema. Por conta disso, é preciso sempre estar com as mãos limpas e é preciso usar soluções apropriada para a limpeza das lentes de contato.

O caso de Greaney teve final feliz. Ela saiu do hospital depois de quatro dias. Sua visão não sofreu nenhum dano.